Entenda como pagar o piso retroativo do empregado doméstico pelo eSocial

Em entrevista ao Jornal Extra,  expliquei como pagar o piso retroativo do empregado doméstico.

A partir de agora, o primeiro passo, explica Mario Avelino, presidente do Doméstica Legal, que funciona como um departamento pessoal para mais de 18 mil empregadores em todo o país, é entrar no sistema e alterar o salário do profissional para o novo valor. No caso de um empregado cuja remuneração é um salário mínimo, além do pagamento do mês de abril, já no novo valor, o patrão deve adicionar a diferença de R$ 168,38 (R$84,19 de janeiro, + R$ 84,19, de fevereiro) totalizando R$ 1.304,91 (R$ 1.136,53 do salário de abril + R$ 168,38 da diferença sobre os salários dos dois primeiros meses do ano).

Confira aqui a matéria completa

Deixe seu comentário

Cadastre-se e receba em seu email as nossas novidades e dicas!